Calendário de Advento

Esse foi mais um presente que recebi da família Jost-Mafra. Quando vai chegando o Natal o meu marido fica nostálgico: fala dos sermões do seu pai antes da ceia de Natal, a árvore de Natal que era um pinheirinho de verdade com velas de verdade acesas e não as luzesinhas que eu conhecia… Ele também falava muito do calendário do advento: uma casinha cheia de janelinhasao redor da qual a família se reunião enquanto a um dos irmãos cabia a alegria de abrir a janelinha. Isso acontecia dia após dia até a chegada do Natal.

As histórias do Leandro foram construindo em mim uma vontade muito grande de ter um Natal significativo para a nossa família e por isso fiz o nosso calendário de Advento quando a Lia tinha um ano. Neste primeiro ano colocamos pequenos presentes nos bolsinhos, mas no ano seguinte inauguramos a tradição que já faz parte de nós: escrevemos uma lista de coisas que adoramos fazer juntos e depois distribuimos pelos bolsinhos levando em consideração que as atividades mais trabalhosas acontecem aos sábados ou domingos. Digo trabalhosas, mas essa palavra não traduz bem o que quero dizer: atividades como montar uma cabana no quarto e dormir dentro dela funcionam melhor quando não tem escola no dia seguinte, uma sexta-feira por exemplo.

Este ano Lia completou 5 anos e pela primeira vez vai criar atividades para colocar no calendário!

Quando chega dezembro corremos para casa no final do dia para nos divertirmos juntos e a Lia gosta tanto que o ano passado convidou a melhor amiga para fazer parte uma noite. Mal posso esperar!

Se quiser se inspirar, aqui vão algumas atividades legais para o calendário:

  1. Acendam uma vela, apaguem todas as luzes e brinquem de criar animais com as sombras;
  2. Café da manhã com panquecas!
  3. Pic Nic na praia/no parque;
  4. Ver as luzes de Natal;
  5. Passear de bicicleta;
  6. Escrever cartões de Natal;
  7. Telefonar (chamar pelo skype) para 1 pessoa que amamos e vive longe de nós;
  8. Preparar um bolo e presentear um vizinho (amigo, alguém da família);
  9. Armar um acampamento na sala e dormir todos juntos;
  10. Contar histórias de Natal;
  11. Arrumar a árvore de Natal;
  12. Montar uma cabana na cama, apagar as luzes e contar histórias sob a cabana sob a luz de uma lanterna;
  13. Ver as fotos dos natais passados;
  14. Tirar fotos engraçadas (fazendo caretas, dando muita risada, etc.)
  15. Fazer uma roda de massagens;
  16. Ir ver as estrelas;
  17. Deitar na praia e procurar nuvens com formatos estranhos/curiosos;
  18. Show de talentos: colocar fantasias e se apresentar cantando ou dançando;
  19. Fazer desenhos uns dos outros;
  20. Fazer biscoitos de Natal;
  21. Fazer 3 pães: um para a nossa casa, um para um vizinho e outro para um grande amigo;
  22. Preparar um monte de pipoca e assistir um filme de Natal;
  23. Fazer desenhos para colocar nos presentes de Natal ( as crianças podem fazer retratos das pessoas!);
  24. Preparar uma mesa espetacular para cear juntos;
  25. Descobrir uma praia deserta (quase deserta também vale);
  26. Tentar surfar (andar a cavalo, skate ou patins também serve);
  27. Jogar um jogo de tabuleiro;

A lista não está seguindo a ordem dos dias… é só uma lista aleatória com idéias do que fazer juntos. E você? O que gosta de fazer junto com a sua família?

Anúncios

Um fim de semana colorido

Entramos em setembro e o domingo exalava novos ares: ares de primavera.

Um dia iluminado, cheio de cores, e talvez isso nos tenha inspirado. Recebemos o Paulinho para almoçar, depois do almoço abrimos as caixas de tinta, recortamos papéis e velhas radiografia e produzimos as primeiras peças da estamparia Rocha Mafra!

Leandro (meu marido) é mesmo muito talentoso! Foi ele quem nos ensinou tudinho.

Adorei fazer isso e com certeza vou fazer de novo!

Sewing In family

It was a lot of fun to sew with my beloved nieces. We used two tutorials from the internet and look what we did in two days!

Katia’s bag, was a lot like her: she made a plan and followed it! She was done at least three hours before Margot and I.

We had a lot of help from the internet, from people who happily share their insights and experience through great tutorials. I am so grateful for that!

We agreed to make drawings of how we would like our bags to look like, and after that we chose among the fabric options and got started.

We found a great tutorial that helped a lot here, and Katia’s bag was the first.

 For Margot’s bag we used the same tutorial (here), plus some details in the bojagi from Korea. I am in love with the technique I’ve seen in the book Bojagi and Beyond.  Pay attention to the little triangles, they are used on marriage bojagis, we found them so lovely I’ve used it in another project and Margot gave it try on her bag.

 The bag I made is totally reversible, and I made it for Lia. I used the tutorial from here and the inspiration for the embroidery is from the book Sacndinavian Stiches – Kajsa Wikman

And then I worked together with Margot to create a bag as a gift for a bar mitzvah.That was not the end of our production. I made one more bag, but didn’t have the time to take pictures… I hope I learn how to make the bags look better in the pictures, sorry about that!

It has never been so much fun to sew before, thanks to my adorable nieces!

Mundo ilustrado: com uma borracha e alguma habilidade, crie suas próprias ilustrações

Ilustração em tecido é um tema que me apaixou por sua simplicidade e pela possibilidade de resultados muito rápidos.

Eu uso linolium para fazer os meus carimbos e depois de lidar com a dificuldade de fazer um desenho sobre o fundo preto para depois esculpir, acabei achando o linolium de outras cores o que facilitou muito a minha vida 😉

Isso foi o que acreditei até hoje, quando através do Pinterest (sou fã!), descobri o blog da Geninne, que se descreve com uma dona de casa curiosa, mas é muito mais do que isso.

Ela faz ilustrações belíssimas, além de bordados e muito mais. O seu tema preferido são os pássaros.

Mas fiquei maravilhada quando vi que ela também faz carimbos utilizando borracha, sabe aquela que a gente levava para a escola, para apagar lápis? Então… simples assim.

Tá… não é aquela borracha da escola, mas acho que dá para fazer com aquelas que vem com o plástico verde em volta, ou então compra o linolium mesmo. O tutorial serve igual.

O importante é que ela tem um tutorial maravilhoso mostrando como criar seus próprios carimbos, que ferramentas vai precisar e o que você pode fazer com os carimbos!

Este tutorial é em inglês, mas tão bem ilustrado que acredito que é possível segui-lo mesmo sem conhecimento da lingua.

Acesse o tutorial inteiro {aqui}

Aproveite!

Coisas para aprender na vida

Mover-se com o vento, embalada pelo vento…

Beleza, leveza…

Ser móbile.

 via 

 via 

via